5 coisas que IRRITAM o ORIENTADOR do TCC!

Compartilhar:

Hoje falarei sobre 5 coisas que irritam os orientadores e provavelmente você já fez uma delas. Assim como os alunos, os professores orientadores também se irritam com erros básicos e falta de interesse por parte dos orientados. Portanto, acompanhe o artigo e veja algumas coisas que irritam profundamente o seu orientador.

Coisas que irritam orientadores

Lembrando que essas coisas são extremamente comuns e praticamente todos os alunos fazem ou já fizeram pelo menos uma das coisas que citarei abaixo, portanto, não se sinta culpado caso você seja um desses alunos.

Um exemplo seria o caso de um TCC desenvolvido individualmente. A equipe, composta por você e seu orientador, é uma equipe com papéis distintos e envolvimento muito específico de cada membro. Não adianta se enganar, seu orientador não fará o trabalho por você; ele apenas o ajudará a escolher caminhos mais adequados à realização da pesquisa. (NOVA et al., 2019).

1. Desleixo com as normas ABNT

Os alunos não leem as normas ABNT, eles preferem ir na internet pesquisar algo específico do que ler a norma por completo. Isso irrita muito os orientadores, pois, além de não ler a norma, muitos alunos a tratam com desprezo, como se não fosse importante.

2. Escrita

Outro ponto que irrita muito os orientadores, é um aluno do ensino superior não saber escrever de forma dissertativa argumentativa. Isso é o básico que se espera de um aluno de nível superior, saber escrever é algo que deve ser ensinado por professores do ensino fundamental e médio.

LEIA TAMBÉM:  TRIAGEM inicial do ORIENTADOR - Corrigindo ERROS BÁSICOS

Não é algo a ser aprendido na faculdade, sendo assim, caso você tenha dificuldades para escrever de forma dissertativa argumentativa ou tenha dificuldades com regras da língua portuguesa, busque fazer um curso online para melhorar suas habilidades.

3. Referências

Referências são uma parte básica do TCC e mesmo assim muitos alunos acabam cometendo erros básicos na hora de citar ou fazer as referências. Repito, caso você tenha dificuldade com isso ou com qualquer outro ponto citado no artigo, busque cursos ou vídeos na internet, são assuntos importantíssimos e de fácil entendimento.

Lembre-se também que as referências são parte fundamental do seu TCC e qualquer erro na utilização delas pode acabar configurando até mesmo um plágio, por isso, tome muito cuidado.

4. Escolha dos autores

Os alunos vão no Google Livros, consultam um autor e o primeiro que aparece eles pegam e já utilizam com citação sem antes nem ler o livro. Priorize sempre livros de autores que você já conhece e já leu as obras, não arrisque em colocar um autor que você nunca leu um livro, isso pode te complicar com a banca futuramente.

5. Não fazer bem o básico

Esse quinto e último ponto reúne tudo que foi falado nos demais, não saber fazer o básico talvez seja o que mais irrita um orientador de TCC. Não espere seu orientador te ensinar o básico, caso você não saiba, seja autodidata e procure por conta própria.

Isso não serve apenas para a sua vida estudantil, mas também para a sua vida profissional, nenhum chefe de empresa vai te ensinar a fazer o básico em seu trabalho, as habilidades básicas já devem vir de você.

LEIA TAMBÉM:  Será que meu ORIENTADOR está orientando BEM?

Portanto, busque sempre aprender mais e ser o mais autodidata possível, busque conhecimento por conta própria, estude e aprenda.

Concluindo

Deixa aí nos comentários se você faz ou já fez uma dessas coisas que irritam orientadores! Gostou do artigo? Compartilhe com seus amigos! Caso tenha ficado com alguma dúvida, entre em nosso canal no YouTube e acesse os nossos vídeos.

Referências

NOVA, Silvia Pereira de Castro Casa; LEAL, Edvalda Araújo; MIRANDA, Gilberto José; NOGUEIRA, Daniel Ramos. Trabalho de conclusão de curso (TCC): uma abordagem leve, divertida e prática. 1. ed. [S. l.]: Saraiva Educação S.A., 21 nov. 2019. Disponível em: https://books.google.com.br/books?id=80a_DwAAQBAJ. Acesso em: 26 out. 2020.

Compartilhar:

Deixe seu comentário