Plágio de Alta Densidade Restrito | Tipos de Plágio | #05

Compartilhar:

Posso copiar as referências de um trabalho e colar no meu mesmo sem ter acesso a obra original? Como os examinadores descobrem esse tipo de plágio? Posso usar apenas um trabalho e citar outros que não tive acesso? O que é um farejador de plágio?

Plágio de alta densidade restrito no TCC

Esse tipo de plágio no TCC se da quando um aluno vai até as referências de uma citação e as cita como se tivesse tido acesso a obra original, como na imagem abaixo:

Exemplo de plágio de alta densidade restrito
Exemplo de plágio de alta densidade restrito

Se reparar na imagem acima, o aluno cita sequencialmente conteúdos de um mesmo trabalho, mas ao invés de citar a citação, o aluno pega a referência do trabalho de outra pessoa e simplesmente cola em seu trabalho.

Plágio de alta densidade restrito é semelhante ao plágio de alta densidade amplo, só que são parágrafos sequenciais vindos de uma fonte comum, mas com indicações distintas de autores. (ESTRELA, 2018, p. 284).

Ou seja, ele usou apenas um único trabalho, porém referenciou outros autores mesmo sem ter acesso a obra original deles. Isso se enquadra em plágio de alta densidade restrito.

Como os examinadores descobrem esse tipo de plágio no TCC?

Você deve estar se perguntando como que os examinadores descobrem esse plágio sendo que mesmo tendo copiado, o aluno referenciou tudo. É simples, todo examinador usa um farejador de plágio.

O que é um farejador de plágio? Farejadores de plágio são ferramentas utilizadas para farejar tipos de plágio em arquivos de trabalhos científicos. O mais famoso deles é o CopySpider.

LEIA TAMBÉM:  Técnica Infalível para Nunca Plagiar
Farejador de plágio CopySpider

Basicamente, o examinador joga o arquivo na ferramenta e ela identifica automaticamente se tem ou não algum tipo de plágio naquele trabalho.

Concluindo

Agora você já sabe o que é um plágio de alta densidade restrito, como os examinadores detectam esse plágio e como funciona um farejador de plágios. Gostou do artigo? Caso tenha ficado com alguma dúvida, entre em nosso canal no YouTube e acesse os nossos vídeos.

Referencias

ESTRELA, Carlos. Metodologia Científica: Ciência, Ensino, Pesquisa. 3. ed. Brasil: Artes Médicas, 2018. Disponível em: https://books.google.com.br/books?id=67VIDwAAQBAJ. Acesso em: 2 jul. 2020.

Compartilhar:

Deixe seu comentário