Desenvolvimento do TCC – As 5 mentiras que os alunos caem direitinho!

Compartilhar:

Hoje nós vamos contar para você, algo sobre o desenvolvimento do seu TCC — quais são as 05 mentiras que os alunos mais acreditam na hora de fazer seu trabalho. Por isso, se você quer esclarecer e saber quais são essas mentiras, esse post é para você — continue lendo e descubra agora!

Embasamento teórico é somente um capítulo do TCC

Desenvolvimento do TCC

Essa é a primeira mentira que vamos derrubar. O embasamento teórico é composto por vários capítulos e não somente um como se pensa. No entanto, é preciso levar em conta alguns fatores como as normas da faculdade e o tema escolhido. Assim, podemos dizer que o embasamento teórico de um projeto deve ter em média de 03 a 05 capítulos.

Nessa etapa do desenvolvimento do TCC, você deve abordar, tudo o que você considera importante para que o leitor entenda melhor qual é a base da sua pesquisa. Isso deve ser feito independente de se tratar de teoria, conceito ou história.

Embasamento teórico e Referencial teórico

Muitos acreditam que o embasamento e o referencial se trata da mesma ideia. Porém, isso é falso. No desenvolvimento do TCC, o referencial teórico é algo mais amplo, em outras palavras, se trata de um apanhado de outras pesquisas que já foram feitas, as que está sendo desenvolvido agora, e até mesmo o que ainda falta ser feito. Por outro lado, o embasamento se trata do alicerce, ou fundamentos do tema de estudo, em outras palavras, é a parte conceitual, teórica e histórica do seu TCC.

LEIA TAMBÉM:  O Gap de pesquisa está em todo TCC nota 10 e os alunos não notam

O desenvolvimento do TCC é apenas um capítulo do trabalho

Desenvolvimento do TCC

Ao contrário do que se pensa, o desenvolvimento do TCC é composto por várias sessões. Veja quais são elas:

  • Desenvolvimento TCC
    • Referencial teórico;
      • Capítulo 1
      • Capitulo 2
      • Capítulo N
    • Metodologia;
    • Resultados;
    • Discussão.

Todo TCC deve seguir essa estrutura de alguma forma:

Vale lembrar que o texto em si do seu TCC conta com — introdução, desenvolvimento e conclusão. O desenvolvimento é composto pelas 04 sessões acima. Mas, isso pode variar entre 03 ou 04 dependendo do que a instituição de ensino solicitou ao aluno.

A Revisão de literatura é feita em apenas um capítulo

Isso é falso. Na verdade, durante o desenvolvimento do TCC, a revisão de literatura aparece em toda a extensão do trabalho, seja ele uma monografia ou um artigo. Dessa forma, a revisão aparece na introdução, na metodologia, nos resultados e discussão. Exceto no resumo e na conclusão, visto que não usamos nenhum autor para fazer argumentos. Em conclusão, todas as partes onde justificamos, argumentamos e discutimos, a revisão deve aparecer.

Para lembrar: os capítulos estão inseridos no referencial teórico, já a revisão de literatura aparece ao longo de todo o trabalho. As citações usadas dentro de todo o trabalho, são, a revisão de literatura, que no final do trabalho se tornam as referências bibliográficas. Em outras palavras, é onde mostramos todo o material (fonte de pesquisa) que usamos durante nossas citações.

Os artigos científicos não têm referencial teórico

Às vezes podem realmente acontecer de uma pesquisa não ter uma sessão específica para o referencial teórico. Isso geralmente acontece pelo tamanho da sessão, ou pelas normas da revista, enfim, pode ser que o artigo não indique o referencial teórico. Mas a parte de referencial teórico, vai aparecer em todo o trabalho, seja na introdução e no desenvolvimento.

LEIA TAMBÉM:  Escala de Qualidade das Fontes Pesquisadas

Pode ser que não exista a sessão de referencial teórico no trabalho, mas ele estará lá. A literatura, a base cientifica vai aparecer nas outras sessões. Dessa forma, você pode concluir que não se trata de um capítulo específico. Você deve considerar como algo que deve estar dentro de todo o desenvolvimento do trabalho.

Certamente podemos dizer ser um mito afirmar que não existe referencial teórico, ele existe sim. Porém, não necessariamente como um item específico, excluindo o resumo e a conclusão que não necessitam de nenhuma citação.

Saiba mais sobre o Monografis clicando aqui.

Compartilhar:

Deixe seu comentário

Secured By miniOrange