CONCLUSÃO DE TRABALHO EM 6 PASSOS SECRETOS

Compartilhar:

Imagina se você tivesse em mãos um roteiro com 6 passos óbvios a seguir e assim escrevesse sua conclusão de trabalho a prova de falhas? Sinta aquela sensação de alívio quando o orientador te envia ao invés de críticas, só elogio. Então, isso acontece com milhares de alunos que seguem esses mesmo seis passos que esse artigo aborda a partir de agora.

Apesar de uma parcela significativa de alunos acreditar que a conclusão de um trabalho é a parte utilizada para simplesmente escrever sobre o que ele aprendeu e encher linguiça, na verdade, ele está cometendo os mesmos erros de muitos desavisados, pois a conclusão é um capítulo tão importante quanto qualquer outro. A conclusão é importante, pois é através dela que muitos professores, estudantes e pesquisadores tem noção se vale ou não a pena ler a pesquisa. Nesse sentido, você precisa seguir a risca esse roteiro.

Para confeccionar algo assim tão importante é preciso seguir uma estrutura onde a falta de uma das partes pode ocasionar em críticas da banca avaliadora. Aqueles que o fazem, ficam mortalmente recebendo críticas e até reprovam.

No momento da correção da conclusão, o professor busca encontrar seis pontos fundamentais:

  • Análise e contribuição para o meio acadêmico;
  • Apresentação dos resultados;
  • Fechamento dos resultados;
  • Resultado de cada recurso apresentado;
  • Melhorias ou dicas para próximas pesquisas;
  • Contribuição e conclusão.

Comumente, os orientadores devolvem-na para correção, já que os alunos acabam esquecendo alguns deles. Todavia, nosso Orientador não diz exatamente o que deseja, fazendo com que esta divisão seja um verdadeiro desafio.

1. ANÁLISE E CONTRIBUIÇÃO PARA O MEIO ACADÊMICO

analise-do-tcc

Quando alguém ouve a palavra “conclusão”, é possível imaginar o os momentos finais de um filme. Neste, são apresentados, de um modo geral todas as verificações, avaliações e compreensões da trama. Nos trabalhos e científicos por sua vez, precisam ser colocadas sem citações.

Sendo caracterizada pelo último aspecto da investigação que converge todas as etapas desenvolvidas ao longo da caminhada, tem a finalidade de ressaltar o alcance dos resultados obtidos e das consequências. Também pode apontar o que pode ser feito para que eles se tornem mais significativos para a sociedade (PICCOLI, 2006).

Sob essa ótica, ganhar particular relevância o fato de o primeiro ponto conter apenas o que foi feito durante o processo de desenvolvimento de forma que possa ser entendida a verdadeira intenção do estudo. Além disso, precisa ser escrito totalmente com as palavras do acadêmico, sem citações externas.

Nesse artigo será abordado os passos por parágrafos, assim fica mais fácil à implementação. Tudo que o aluno tem que fazer é seguir cada parágrafo como é explicado aqui.

Esse parágrafo deve ser feito de forma clara como mostra o exemplo a seguir:

“O desenvolvimento do presente estudo possibilitou uma análise de como um software feito sob encomenda pode melhorar a apuração dos resultados das corridas feitas pela Secretaria de Esportes de São Mateus. Além disso, também permitiu uma pesquisa de campo para obter dados mais consistentes sobre as etapas do processo, parte mais demorada do processo, grau de conhecimento em informática dos profissionais que o utilizarão e etc.”

Vê-se por isso que, logo de inicio é preciso mostrar ao leitor, de uma forma mais generalizada o que foi estudado, quais resultados obtidos e no que contribuiu para melhorar a vida do público alvo. Sem a presença de frases ou pensamentos de outros autores.

2. APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS

Pode-se afirmar que, esse item se parece muito com a imagem de um jornalista escrevendo uma matéria, pois é necessário colocar os resultados de uma forma geral, com as informações contidas no próprio texto. Contando o que aconteceu de forma impessoal, sempre na terceira pessoa.

Por ser parte de um trabalho profissional, a conclusão de TCC precisa ter característica dissertativa. Uma vez que seu objetivo é demonstrar, com argumentos, uma tese, que é a solução de um problema (SERVERINO, 2013).

Nesse contexto fica claro o porquê da linguagem na terceira pessoa. Para mais, é preciso que todos os dados contidos nele estejam no desenvolvimento não podendo colocar nem um tipo de fonte terceirizada, tudo deve ser estar contido no trabalho escrito pelo aluno.

Para montar esse ponto, releia todo o trabalho e coloque-os de modo cronológico como no protótipo:

“De um modo geral, os clientes são, em sua grande maioria, do sexo feminino e tem pouco conhecimento em informática. Alegam, no entanto que o registro de atletas e julgamento dos resultados são as partes mais demoradas do processo, sendo que a segunda demora em média 1 hora. Depois de correr e elevar seu corpo ao limite, um corredor tem que esperar um longo período de tempo para saber o resultado de sua categoria.”

Em poucas palavras, a apresentação dos resultados é a parte em que são colocados todos os frutos do TCC na ordem em que ocorreram. Devem ser escritos como se estivesse contando um fato na visão de outra pessoa e sem alusões.

3. FECHAMENTO DOS RESULTADOS

fechamento-resultados-tcc

O maior sonho de um orientador é ouvir que os objetivos do TCC foram alcançados. Para isso, é preciso apontar com clareza, e de forma geral, os resultados da pesquisa e se os objetivos foram alcançados na conclusão, tudo deve ser escrito 100% com as ideias do aluno.

A conclusão de um trabalho está intimamente ligada aos objetivos. Podendo ser apresentada em forma de um texto corrido ou em tópicos, porém, precisa conter as respostas para cada objetivo específico previamente proposto (FERRARI, MOREIRA e VALDERRAMAS, 2015).

Visto que serão respondidos na conclusão, é de suma importância que todos os objetivos do TCC tenham sido alcançados, pois ao chegar nessa parte, o público precisará ter uma resposta definitiva para cada um deles. O formando pode escolher mostra-las de dois modos: como um parágrafo único ou individualmente.

Com essa intenção, é possível fazer uma cláusula com poucas linhas como no molde:

“Ao fazer um teste em ambiente fechado, verificou-se que as partes mais complexas e desgastantes do processo que são o registro de participantes e apuração dos resultados, como mostram os Gráficos 5 e 8 foram feitas em questão de minutos. Permitindo assim, que os objetivos propostos foram realmente alcançados.”

Resumindo tudo os objetivos e a Conclusão de Trabalho estão interconectados. O primeiro indica o que será feito o segundo mostra se foi possível fazê-los e os resultados finais, para aprender a monta-los, leia o artigo OBJETIVO GERAL: OS PONTOS ESPECÍFICOS QUE FALTAVAM PARA ALCANÇAR O TOPO.

4. RESULTADO DE CADA RECURSO APRESENTADO

DIY tools set collage. Isolated on white background.
DIY tools set collage. Isolated on white background.

Ao fazer uma construção, são necessárias várias ferramentas, e no TCC não é diferente. Nesta alínea é imprescindível que sejam listados cada recurso utilizado: livro, tese, questionário, equipamento. Havendo mais de um, podem ser colocados em subdivisões diferentes.

Todos os recursos e métodos devem ser apresentados para mostrar como o projeto foi desenvolvido. Quando há mais de um, colocá-los em parágrafos distintos para uma breve explicação individual é uma boa opção (RAMPAZZO, 2005).

Nesse contexto, fica claro que é preciso mostrar como o TCC foi desenvolvido mostrando os utensílios e como foram utilizados. O fato de haverem mais de um implica na utilização de mais parágrafos. Se o aluno não coloca-las, a banca fará criticas e pedirá ressalvas.

Os exemplos a seguir, mostram ambas as situações:

“O questionário com perguntas abertas conseguiu mostrar a situação dos empregados e dos corredores em relação a cada parte da atividade. Para mais, também foi evidenciado que os usuários em questão não têm muito conhecimento em informática, o que ajuda a justificar o fato de não terem buscado ainda por um meio mais fácil e rápido de facilitar o trabalho. Todavia contribuiu para a confecção do programa de uma forma a torná-lo acessível a todos.”

“O debate “tira dúvidas” conseguiu criar um ambiente onde os alunos puderam argumentar e através da troca de ideias coletivas tirarem suas dúvidas e curiosidades sobre o tema. Já os vídeos exibidos possibilitaram reforçar o conteúdo que era transmitido pela professora em sala de aula e com a discussão ao final de cada vídeo, os alunos tiravam dúvidas e debatiam sobre o tema. Os vídeos permitiram os alunos entender e memorizar melhor a matéria, por apresentarem uma linguagem fácil e aproximar o aluno ao cotidiano.

O trabalho em grupo “cronologia da vida” que utilizou o cartaz que é um material de baixo custo e bem acessível permitiu aos alunos usarem a criatividade para colocar suas fases de vida no cartaz e, assim, conhecer todas as fases pela qual já passaram, estão passando e que ainda irão passar. 

Os jogos didáticos forneceram aos estudantes um ambiente enriquecedor e motivador que além de divertir, passou a ser visto como um promotor de aprendizagem, permitindo os alunos entender melhor alguns conceitos que antes não foram assimilados, tirar dúvidas, revisar e reforçar o que foi visto dentro da sala de aula.”

Fica evidente, diante deste quadro, que da mesma forma que uma construção precisa de inúmeros apetrechos, um TCC também possui. Sendo colocadas com suas funções no mesmo, elas podem ter sessões separadas quando forem muitas.

Para mais detalhes basta acessar nosso Monografis Orientador de TCC  aqui.

5. MELHORIAS OU DICAS PARA PRÓXIMAS PESQUISAS

melhorias-tcc

Uma interpretação possível desse ponto é dizer o que pode ser feito para a melhoria da pesquisa. A partir dele, é possível imaginar temas para estudos mais aprofundados, porém, com a falta de tempo ou pela delimitação do assunto não foi possível ir além do que foi feito.

Propostas da forma mais sutil possível, as sugestões para posteriores estudos são ideias de assuntos que não puderam ser explorados. Por esse motivo são apresentadas a fim de que no futuro o devido valor lhes seja dado (MENDES e TACHIZAWA, 2006).

Prazo muito curto, recursos escassos, tema muito restritivo, esses são os principais motivos que levam o acadêmico a deixar interrogações para serem resolvidas por próximas gerações. Todavia não devem chamar muita atenção, pelo risco de serem confundidas com os objetivos específicos por algumas pessoas.

Na intenção de coloca-las, é necessário escrever um parágrafo como o do exemplo a seguir:

“Dada à importância do assunto, torna-se necessário o desenvolvimento de formas de agilizar as partes mais demoradas da corrida e torná-las fácies de serem feitas digitalmente para pessoas sem muito conhecimento em informática. Podendo economizar não só o tempo como recursos naturais que são necessários para serem concluídas.”

Em suma, se por algum motivo, ficarem algumas questões que não puderam ser abordadas pelo TCC, é permitido coloca-las de forma discreta na conclusão. Entretanto, é importante voltar a lembrar que essa parte não deve chamar muita atenção, pois a banca pode associa-la aos objetivos específicos.

6. CONTRIBUIÇÃO E CONCLUSÃO

Indo de encontro ao objetivo geral, o último parágrafo da conclusão de trabalho precisa mencionar de forma precisa que ele foi alcançado, muito parecido com o ato de fechar uma porta. Para que um trabalho seja feito é preciso um problema, ninguém gastaria energia onde não tem um problema envolvido e o TCC é a resolução desse problema ou a pesquisa que mostra os dados necessários para solucionar o problema.

Não são as respostas que movem o mundo, e sim as perguntas. Essa frase reflete a verdadeira função do TCC, sendo que ele existe para resolver algum tipo de adversidade do cotidiano (TOMANINI apud CHAPLIN, 2009).

Andando lado a lado com propósito principal da pesquisa. Nessa parte da conclusão o orientado confirma se o obstáculo a ser vencido foi superado, se não foi superado ou se não pode ser superado.

O exemplo a baixo, mostra como deve ser escrito:

“Nesse sentido, a utilização de recursos digitais permite aos operários realizarem seu trabalho de forma mais rápida e eficiente. Além disso, diminui o tempo de espera dos corredores por uma hidratação e descanso adequados depois de uma longa corrida. Motivando as duas partes envolvidas no evento.”

É indiscutível que as perguntas movem o mundo, e numa conclusão de TCC é preciso afirmar que elas foram respondidas. Uma boa forma de dizer é: o objetivo geral foi alcançado quando (especificar procedimento) foi feito.

RECAPITULANDO

Resumindo tudo, a conclusão de trabalho é uma das partes mais complexas para os alunos, dado que os orientadores não especificam direito o que querem. Mas acredite, para escrever uma conclusão profissional possui uma estrutura à prova de erros.

No primeiro bloco, é preciso colocar as verdadeiras intenções do estudo de modo geral, os resultados e os impactos com o público alvo e que seja fácil o entendimento. Tudo isso deve ser escrito totalmente pelo aluno, sem menções.

Adiante, são colocados todos os resultados obtidos durante o projeto TCC de forma geral. Deve ser optado o uso da terceira pessoa, muito semelhante a um jornalista escrevendo uma matéria.

Após isso, colocar os objetivos alcançados é o próximo passo. Por se relacionarem mutuamente, os objetivos devem ser colocados junto com seus resultados finais.

No passo seguinte, todos os recursos utilizados devem ser listados, sejam eles: livros, testes, softwares, questionários, equipamentos. Se forem muitos, cada um pode ser colocado em um parágrafo diferente.

O quinto ponto é constituído pelos assuntos que o aluno não conseguiu abordar, por falta de tempo, restrição do tema, falta de recursos e gostaria que as futuras gerações abordassem. Esse ponto não deve atrair muita atenção, pois, podem ser confundidos com os objetivos específicos.

Por fim devem ser a solução para o problema principal deve ser explicada. Não importando se foi alcançada ou não, ela deve ser mencionada e explicada para o trabalho ter validade.

CONCLUSÃO DE TRABALHO EM 6 PASSOS SECRETOS – Por: Jader Bastista Favero
Material que aprendi a escrever artigos: Monografis Orientador de TCC 

BIBLIOGRÁFIA

FERRARI, M. A. M. C.; MOREIRA, M. R.; VALDERRAMAS, Z. L. Manual de elaboração e normalização de trabalhos de conclusão de curso – TCC: segundo as normas ABNT e Vancouver. São Paulo: Biblioteca 24horas, 2015.

MENDES, G.; TACHIZAWA, T. Como fazer monografia na prática. 12. ed. Rio de Janeiro: FGV, 2006.

PICCOLI, J. C. J. Normalização para trabalhos de conclusão em Educação Física. 2. ed. Canoas: ULBRA, 2006.

RAMPAZZO, L. Metodologia cintífica: para alunos de cursos de graduação e pós-graduação. 3. ed. São Paulo: Loyola, 2005.

SERVERINO, A. J. Metodoligia do trabalho científico [livro eletrônico]. São Paulo: Cortez, 2013.

TOMANINI, C. Na trilha do sucesso: vença num mercado que caminha com você, sem você ou apesar de você. São Paulo: Gente, 2009.

Compartilhar:
  • Adryana Kleyde

    Douglas, cada dica sua é uma inspiração para o meu TCC, desde que eu adquiri o seu material a vontade de escrever apareceu. Obrigada por compartilhar seu conhecimento conosco.

    • Dizia o sábio que o trabalho do professor vai além de ensinar e sim inspirar. E eu fico feliz quando ouço palavras de alguém inspirada. Parabéns!

  • Marilete

    Curso magnífico!!!

    • Obrigado Marilete, fico felizão em ver os alunos voltando aqui e comentando.

  • Eu empaquei demais na época que estava fazendo meu TCC na graduação.

    Mas no final das contas, vale super a pena o trabalho, pessoal.

    O que me ajudou demais foi estudar um pouquinho dicas na internet para acelerar a conclusão da monografia. Com isso eu terminei meu tcc em menos de 2 semanas 🙂

    • Ótimo! quem quer divulgar o nosso material é sempre bem vindo!

  • Os anos de graduação são os mais memoráveis de minha vida.

    Até hoje lembro com um sorriso no rosto, principalmente a fase do tcc.

    Terminei a graduação ano passado e esse método de blocos me ajudou bastante. Por isso esse meu site fala sobre isso pra ajudar a galerinha que está em apuros com o tcc

    • Ótimo! quem quer divulgar o nosso material é sempre bem vindo!

  • Milena

    Ajudou Bastante

    • Milena, muito obrigado. Você poderia dizer qual era sua duvida quando chegou aqui ? assim pode me ajudar a melhorar os próximos posts.

  • Leandro Ruth

    Nossa, muito bom não estava conseguindo concluir meu trabalho, obrigado!

  • Douglas Tybel

    Fiquei curioso, como ficou? posta aqui pra gente v.